O Intervencionista

Seu Antônio já tinha visto muitas notícias ruins naquela manhã. Era tanta putaria no congresso, tanta roubalheira em todo canto, tanto crime de todo tipo em todo tipo de bairro, que crescia dentro dele aquilo que crescia todas as manhãs, um arrebatamento maior do que ele próprio, um anseio profundo pela justiça da guerra, ou pela guerra da justiça. E aquilo foi crescendo, crescendo, seu Antônio já lia as notícias com a cara voltada pra cima, olhos pra baixo, balançando o pescoço. Quando viu, numa rede social, o vídeo de um sujeito em outro país falando muitas das coisas que ele próprio queria dizer, mas não conseguia, escancarou olhos e boca, desceu os dedos frenéticos para o teclado e registrou em nosso alfabeto os anseios mais explosivos de sua alma:

– INTERVENÇÃO MILITAR JÁ!

Após dar enter levantou imediatamente as vistas para a janela, aliás, levantou o corpo inteiro, e ficou esperando os tanques que cairiam do céu, os soldados que sairiam detrás das árvores ou pulariam os muros dos vizinhos para ganhar as ruas, os caças que dispersariam as nuvens; esperou ouvir as trombetas, os tiros, as bombas, as palavras de ordem estrondando de caixas de som, esperou o conserto instantâneo de tudo!

Seu sorriso lunático foi retribuído, meio sem graça, por dona Neném, que voltava da frutaria e passava em frente à casa do vizinho.

Antônio sentou, mais desabou na cadeira do que sentou, e seu rosto foi perdendo o fulgor, sua alma ficou cansada. Apertou o “x” num dos cantos superiores do navegador e ficou olhando a foto da família que tinha como wallpaper.

Amanhã pediria a intervenção de novo. E se ela não viesse, pediria outro dia, e outro dia, e outro dia…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s