Nota sobre “9 Songs”

Muita gente parece considerar “9 Songs” simplesmente um pornô, talvez um pornô enfeitado, um pornô pretensioso, mas pornô, desses que ficavam no fundo das locadoras antigamente. Que o filme é pornográfico não há dúvidas, mas não é um simples pornô, pois além de não ter cenas explícitas tão longas e intensas quanto um pornô comum, é um pornô que consegue pintar um quadro significativo da miséria humana contemporânea: pessoas sem sentido, drogadas, cheias de pseudo-conversas, embaladas por músicas entorpecentes e que têm o sexo como ápice da vida. Essas pessoas até anseiam por relacionamentos completos, duradouros e frutíferos, mas é como se não mais soubessem como buscá-los, como construí-los, é uma situação triste e ruinosa. Não sei se Michael Winterbottom, que escreveu e dirigiu o longa, estava ciente de que pintaria esse quadro, talvez ele só estivesse pensando em mostrar a efêmera trajetória de um casal de nossos dias no estilo “sujeito mais normal encontra uma mulher doidinha especial que irá marcar sua vida pra sempre ou algo assim”.

Seja como for, Michael Winterbottom poderia ter conduzido as coisas de outro modo, tenho certeza de que este filme prejudicou a vida amorosa dos dois atores, e não estou nem colocando moralismo na conta aqui. Oras, as cenas de sexo foram reais e explícitas, inclusive as cenas de sexo oral. Cineastas não devem exigir esse nível de sacrifício dos atores; eles estão interpretando personagens, mas as coisas que fazem ainda são feitas por seus próprios corpos, ainda são engendradas por suas mentes, ainda são participantes em suas almas.

Em suma, por mais idiotas que sejam, são pessoas, não bonecos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s