Brevidades #23

111

A impressão que tenho é que, hoje, a grande maioria das pessoas está disposta a sempre interpretar qualquer palavra do pior modo possível, não há mais espaço para o benefício da dúvida, para o questionamento pessoal (eu entendi mesmo o que fulano quis dizer?), nem para o exercício da caridade.

Rogo a Deus para que esse espírito maligno de nossos tempos não me possua, já tenho de lidar com alguns demônios, não faço questão de mais um.

112

Muita gente é mais impiedosa com aliados imperfeitos do que com inimigos.

113

O plano do Thanos é realmente idiota, pois eliminar metade da vida do universo não elimina a maldade e falhas de caráter da metade restante.

114

No mesmo país que um líder de facção criminosa especialmente perigosa é solto, um trabalhador é algemado e humilhado, obrigado a cheirar bota de policial.

O Brasil é um país para ser amado e odiado intensamente ao mesmo tempo.

115

“Alcançar a verdade sobre um assunto (e não falo apenas compreender confusamente) reclama tempo e muito estudo, além de ser totalmente refratário à instantaneidade do slogan.”

Fabrice Hadjadj, em “A Fé dos Demônios”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s